Empreendedorismo pode ser aposta para Engenheiros Ambientais

Com perfil empreendedor, o Engenheiro Ambiental Willem Wily de Paula Barbosa apostou no trabalho autônomo e na criação de Empresa de Consultoria Ambiental para alavancar sua carreira.

 

De acordo com o Engenheiro Empreendedor o caminho traçado não foi fácil, e aponta dificuldades desde a graduação para se firmar na profissão escolhida. Todavia com muita determinação ele conseguiu realizar o sonho da criação de uma empresa própria, sempre aliando trabalho ao estudo.

 

Graduado em 2007 pela Universidade Católica de Brasília – UCB, e com especialização em Educação Ambiental e Mestrado em Planejamento Ambiental, atualmente exerce o cargo de Diretor de Planejamento na ECOMAPA, Empresa de Consultoria em Meio Ambiente e Projetos Agrários, além de ser Docente da UCB. Na ECOMAPA, atua na área de consultoria e assessoria técnica em meio ambiente e engenharia para diversos parceiros e clientes no Distrito Federal, Goiás e Minas Gerais, principalmente no licenciamento de empreendimentos agropecuários, certificação ambiental e cadastramento de imóveis rurais.

 

Sobre sua experiência profissional Willem concedeu entrevista exclusiva à Associação Nacional dos Engenheiros Ambientais – ANEAM. Leia a íntegra abaixo.

ANEAM - A Associação Nacional dos Engenheiros Ambientais – ANEAM vem buscando cada vez mais valorizar, fortalecer e integrar a classe dos profissionais de Engenharia Ambiental do Brasil. Assim, criamos em nosso Site o quadro Carreira, para mostrar como profissionais desta área alcançaram o tão almejado sucesso. A ANEAM escolheu você para ser entrevistado como exemplo de sucesso na Carreira. Conte como foi chegar até aqui e quais seus planos para o futuro.

 

Eng. Willem - O caminho traçado até aqui foi bastante árduo e complicado, primeiramente encontrei sérias dificuldades financeiras para concluir o curso de graduação, o que posteriormente também causou complicações no que se refere à inserção no mercado de trabalho, tendo em vista este novo nicho mercadológico (ambiental) que ainda não era muito bem absorvido pelas empresas. Após alguns meses iniciei, junto ao meu atual sócio, a realização de serviços de consultoria ambiental de maneira autônoma, posteriormente o volume de serviços foi crescendo e tivemos a necessidade de organizar um Empresa de Consultoria Ambiental (ECOMAPA) incubada na ITEC/UCB , que já possui cerca de 4 anos de mercado e já atua em todo DF e entorno. Em seguida surgiu a oportunidade de trabalho no setor de docência do ensino superior, área onde atuo desde 2011, na UCB/DF.

 

ANEAM - Quais foram as maiores dificuldades encontradas para entrar no mercado de trabalho, se existiram?

 

Eng. Willem – A princípio a dificuldade de inserção no mercado de trabalho, em função da falta de conhecimento das empresas, desta forma as possibilidades de trabalho eram bem escassas. Atualmente a grande dificuldade encontrada se reside no fato de muitos profissionais atuarem no mesmo segmento (licenciamento ambiental), o que faz com que o preço dos serviços baixem o preço e diminuam em volume. Este fato pode ser positivo, pois permite que empresa procure novos caminhos no setor, tais como energias renováveis e resíduos sólidos.

 

ANEAM - A Engenharia Ambiental é relativamente nova no mercado de trabalho brasileiro e também, dentre as demais Engenharias, a que mais tem potencial de crescimento. O que você acha que esta faltando para que esse fato seja concretizado? Na sua opinião, o que falta para os engenheiros ambientais hoje?

 

Eng. Willem – Para mim, a profissão já possui grande reconhecimento no mercado de trabalho, tendo em vista que o curso completa cerca de 20 anos no Brasil. Atualmente diversos colegas de Universidade ocupam cargos importantes e estratégicos em grandes empresas privadas e órgãos públicos, fato que impulsiona este potencial de crescimento. Além das próprias tendências e demandas criadas por legislações ambientais e fiscalização dos órgãos responsáveis, que muitas vezes demandam a criação de setores de meio ambiente em instituições que antes não possuíam. Um aspecto que se deve trabalhar entre os engenheiros ambientais é a questão relativa a se criar uma tabela informando quais os preços mínimos de serviços a serem prestados. Esta ação se justifica, pois ainda não uma padronização no mercado o que permite que valores para o mesmo serviço, orçado por consultores diferentes é bastante variável.

 

ANEAM - Hoje você está sendo reconhecido pelo trabalho, esforço e dedicação em prol da profissão de Engenheiro Ambiental. Qual recado você gostaria de deixar aos futuros Engenheiros Ambientais?

 

Eng. Willem – Meu recado é que o Engenheiro Ambiental consiga resolver problemas concretos de prevenção e remediação, que se posicione diante das ações antrópicas mediante aplicações da tecnologia disponível. E que seu posicionamento seja sistêmico, que leve em consideração todas as dimensões ambientais, inclusive o aspecto social.

 

ANEAM – A ANEAM, por meio desta entrevista, vem cumprindo o seu papel de reconhecimento e valorização dos Engenheiros Ambientais do Brasil. Como você avalia esta ação?

 

Eng. Willem – Avalio como uma grande evolução e demonstração de integração e fortalecimento da classe.

 

Diretoria de Comunicação - ANEAM

 

http://aneam.org.br/noticias/carreira/1449-empreendedorismo-pode-ser-aposta-para-engenheiros-ambientais-

 


Imprimir

Mais Blog EcoMapa

Indique para um amigo

Ecomapa   -   Serviços  -   Clientes   -   Galeria de Fotos   -   Blog Ecomapa   -   Orçamento   -   Contato

Endereço: QS 07 lote 01 bloco Q sala 104 ITEC-UCB, DF
E-mail: contato@ecomapa.com.br
Telefones: (61) 8438-2749 / 9627-2488 / 9138-0434

Desenvolvido Por Tecnoig